Alt Idiomas

Qual o significado do Halloween dentro do Programa Bilíngue?

Halloween no Brasil

Com educação bilíngue na rotina escolar, festas como o Halloween estão fazendo parte da tradição em escolas, com cunho educacional. O Halloween é uma festa que acontece no dia 31 de outubro em grande parte dos países ocidentais. Bem celebrada nos Estados Unidos. O evento é marcado por crianças e adultos se vestindo com as mais diversas fantasias, indo pedir doces na vizinhança (o famoso “Travessuras ou Gostosuras”).

“Trick or treat… Give me something good to eat!” 

No Brasil esta comemoração tem conquistado adeptos por todo o país como consequência da grande influência da cultura americana, principalmente trazida pela televisão e pelo cinema.

Possíveis problemas com a comemoração

Mas as escolas têm de administrar a preocupação de alguns pais religiosos que não aceitam a comemoração pois veem o vínculo com o Dia das Bruxas.

>>> Temos um artigo dedicado exclusivamente a este assunto: https://www.altidiomas.com/halloween-o-que-e-e-o-que-significa-para-a-alt-idiomas/  

 

Um experiência diferente

O uso de fantasias para comemorar a data não é obrigatório, mas a maioria das crianças gosta do dia do Halloween. Em um rápido passeio pelas escolas parceiras, é possível encontrar muita máscara, pintura no rosto, fantasias com referências aos filmes de terror mais recentes.

As crianças deixaram os uniformes de lado e vão estudar fantasiadas, com o intuito de vivenciar e ensinar sobre outras culturas, com circuito de brincadeiras temáticas, desfilam com suas fantasias, participam de culinárias temáticas e a diversão corre solta!

No Programa Bilíngue além do Halloween, datas como Saint Patrick’s Day, Thanksgiving, entre outros aspectos culturais estrangeiros enriquecem a experiência de aprender outro idioma.

 

Os aspectos culturais no Programa Bilíngue

No Programa Bilíngue ou no Instituto Alt Idiomas, o objetivo é expandir o conhecimento e formar cidadãos mais tolerantes. Tais experiências permitem a percepção de pessoas que pertencem à uma cultura diferente, falando um idioma diferente, com hábitos alimentares diferentes dos alunos. Entendemos que além de ampliar o leque de opções, ainda que o aluno jamais goste do chá com leite, por exemplo, essa compreensão contribui para um convívio social.

Mais tolerância em uma sociedade cada vez mais globalizada. 

>>> Temos um artigo dedicado exclusivamente a este assunto: https://www.altidiomas.com/aspectos-culturais-nos-cursos-da-alt-idiomas/

 

Deixar um comentário